fbpx
Trabalhe Conosco
Imagem Destacada

Hipoclorito de sódio, Hipoclorito de Cálcio ou Dióxido de Cloro: qual é o mais adequado para o seu sistema de água?

Os produtos químicos à base de cloro são os biocidas mais utilizados ​​para o processo de desinfecção dos sistemas de água. Isso se deve tanto à sua eficiência contra patógenos, quanto à sua capacidade de persistir por um longo tempo após aplicação (teor residual) e ter uma toxicidade reduzida para os seres humanos.

Dentre os produtos químicos à base de cloro utilizados, destacam-se o hipoclorito de sódio, hipoclorito de cálcio e o dióxido de cloro. Para estes compostos funcionarem com a eficácia esperada, precisamos entender a  complexidade de cada sistema de água predial e aplicar o mais adequado. 

No artigo desta semana, vamos falar sobre:

  • algumas características do hipoclorito de sódio, hipoclorito de cálcio e do dióxido de cloro;
  • como saber qual é o mais adequado para o seu estabelecimento e;
  • os cuidados que devemos ter com as certificações dos produtos químicos na hora de contratar um serviço de cloração.

Hipoclorito de Sódio e de Cálcio

O Hipoclorito de Sódio é uma solução líquida que contém de 10% a 13% de cloro ativo. Já o Hipoclorito de Cálcio é um sólido granulado de coloração branca. Este composto é considerado relativamente estável e possui um teor de cloro ativo de 65%, apresentando mais cloro disponível do que o hipoclorito de sódio. 

Hipoclorito de Sódio

 Imagem do Hipoclorito de Sódio

Hipoclorito de Cálcio

Imagem do Hipoclorito de Cálcio mostrando sua forma sólida granulada

Ambos são fortes agentes desinfetantes e sanitizantes, amplamente utilizados para a desinfecção de água potável. Quando os adicionamos à água temos a formação do ácido hipocloroso (HOCl) que é o agente desinfetante. A formação de ácido hipocloroso depende do pH da água. Em pH ácido há maior formação de ácido hipocloroso e em pH alcalino acima de 7,5 há maior formação de íon hipoclorito, que é um desinfetante menos potente. Por isso, é recomendado que a desinfecção com cloro livre seja realizada em valores de pH mais baixos, preferencialmente menores que 7,5.

A imagem acima, mostra as porcentagens
de dissociação do ácido hipocloroso e íon hipoclorito formados em função do pH.

Apesar de ambos poderem ser utilizados no tratamento de água, para estabelecimentos com grandes quantidades de água, como, por exemplo, sistemas prediais, poços artesianos e de reuso, utilizamos normalmente o hipoclorito de cálcio por conta da maior disponibilidade de cloro e por ser mais estável. 

Dióxido de Cloro

O Dióxido de Cloro também é um composto oxidante e desinfetante, por conta da sua estabilidade que pode ser utilizado no tratamento de sistemas de águas quentes e frias. Além disso, segundo Nicholas F. Gray, 2014, o dióxido de cloro demonstra uma melhor penetração nos biofilmes formados nas paredes de tubulações e reservatórios de água

Outra diferença importante é que o dióxido de cloro tem a sua reatividade independente do pH. Ao contrário do Hipoclorito de Sódio e de Cálcio que sofrem hidrólise, o dióxido de cloro não hidrolisa, permanecendo como gás dissolvido na água. Além disso, esse composto geralmente forma quantidades pequenas de compostos organo-halogenados. 

Como saber qual biocida é o mais adequado para meu estabelecimento?

Para os sistemas de cloração funcionarem com a eficácia esperada, precisamos entender a  complexidade de cada sistema de água predial e aplicar a tecnologia e o biocida mais adequado a cada sistema.

 Na tabela abaixo resumimos os biocidas e suas aplicações.

Hipoclorito de Sódio e de CálcioDióxido de Cloro
AplicaçãoPara desinfecção de sistemas de água potável, poço e reuso.Para desinfecção em sistemas de água quente, controle de Legionella e de biofilmes.
Características importantes do sistema para aplicaçãoHipoclorito de sódio: pH da água menor que 7,5;
 Pouca matéria orgânica presente, aplicar sistema de filtração antes da cloração se possível; 
Aplicável em sistemas de água fria apenas.
pH não interfere da reatividade do produto; 
Pode ser utilizado em sistemas de água fria e quente.
Hipoclorito de cálcio: pH da água menor que 7,5;
 Pouca matéria orgânica presente, aplicar sistema de filtração antes da cloração se possível; 
Aplicável em sistemas de água fria e bem tolerado em água quente.

Por que sistemas de cloração ou recloração são importantes?

Apesar dos produtos químicos à base de cloro serem fortes agentes oxidante e conseguirem inativar diversos microorganismos nos sistemas de água, por conta da volatilidade do produto em grandes edificações, os pontos mais distantes da rede têm uma perda natural dos teores de cloro residual livre, deixando esses pontos propícios para o desenvolvimento microbiano e consequentemente de biofilmes que podem comprometer os padrões de potabilidade da água

Por isso, estabelecimentos como hospitais, condomínios, shoppings, as indústrias do ramo alimentício entre outros que consomem a água advinda dos Sistemas de Abastecimento (concessionárias) devem monitorar a qualidade da água potável e se necessário aplicar sistemas de recloração, visando garantir a segurança da água e  atender suas respectivas legislações e normas reguladoras.

Cuidados com produtos químicos

Nós da Microambiental recomendamos que na hora de contratar um serviço de Cloração averiguar se o produto químico utilizado pela empresa apresenta os seguintes documentos:

  • Registro na ANVISA para uso como Desinfetante de Água para Consumo Humano (na ausência de registro é obrigatório o LARS e CBRS);
  •  Ficha de Informação de Segurança para Produtos Químicos (FISQP);
  • Os produtos devem atender a norma ABNT NBR 15.784:2017 e devem ter o  LARS (Laudo de Atendimento aos Requisitos de Saúde) que comprova o baixo risco à saúde do consumidor pelo uso do produto químico no tratamento de água para consumo humano e também CBRS (Comprovação de Baixo Risco à Saúde pelo uso de produto químico em tratamento de água para consumo humano)

Conheça os nossos sistemas de dosagem automática de cloro

A Microambiental possui sistemas automatizados de dosagem de cloro que ajudam a evitar contaminações microbiológicas e evitam grandes oscilações nos residuais do biocida. Nossos sistemas podem utilizar tanto o hipoclorito de sódio, hipoclorito de cálcio e o dióxido de cloro como biocidas conforme as necessidades do seu sistema de água. Além disso, o sistema pode apresentar uma Interface Web para configuração de dispositivos e manutenção remota com alerta por e-mail.





POSTS RELACIONADOS

Precisa de ajuda? Converse Conosco