fbpx
Trabalhe Conosco
Imagem Destacada

Análise de Água Purificada: o que fazer se o parâmetro condutividade apresentar resultado insatisfatório?

O controle da qualidade da água para uso farmacêutico é fundamental, devido ao amplo uso da água em laboratórios, seja no preparo de fórmulas farmacêuticas e cosméticas ou, ainda, nas  diversas etapas de higienização destes ambientes.

A condutividade é um dos parâmetros farmacopeicos e nos permite estimar o teor de sais presentes na água. Como diversos íons, como por exemplo o cloreto e o amônio dissolvidos, influenciam na condutividade, ela pode apresentar inconformidade com uma certa frequência nos laudos de Análise de Água Purificada.  

Pensando nisso, no artigo desta semana, vamos falar sobre:  

  • qual a importância do controle da condutividade na água purificada; 
  • quais são os limites estabelecidos para condutividade em água purificada e; 
  • o que fazer se a condutividade der inconformidade no laudo de análises. 

Qual a importância do controle da condutividade na água purificada? 

A condutividade da água é uma medida do fluxo de elétrons o qual é facilitado pela presença de íons. Como há uma relação de proporcionalidade entre o teor de sais dissolvidos e a condutividade elétrica,  esse parâmetro nos permite  estimar o teor de sais presentes na água (Hypólito et al., 2009; Macedo, 2000).

A condutividade pode indicar níveis de substâncias indesejadas como o cloro (na forma de íon cloreto) no processo de purificação de água através de osmose reversa. Portanto esta variável é de extrema importância, pois influencia diretamente na pureza da água e pode comprometer a sua utilização em aplicações farmacêuticas.  

Quais são os limites estabelecidos para condutividade em água purificada? 

Na tabela abaixo descrevemos os Valores Máximos Permitidos (VMPs) para condutividade segundo a United States Pharmacopeia (USP), a  Clinical and Laboratory Standards Institute (CLSI) e a  Farmacopéia Brasileira. 

Farmacopéia
Brasileira
USPCLSI
DescriçãoÁgua PurificadaÁgua PurificadaÁgua Reagente
OrigemNorma Brasileira,
ANVISA
Norma
Norte-Americana
Norma
Norte-Americana
Condutividade≤ 1,3 µS/cm< 1,3 µS/cm– *


*Na Clinical and Laboratory Standards Institute (CLSI) o parâmetro avaliado é a resistividade.

Para escolher a melhor legislação/referência para monitorar o sistema de água purificada é importante considerar a finalidade da utilização da água e seu nível de pureza. 

Como reduzir a condutividade da água?

  • Instalação de sistema de pré tratamento da água:  o  sistema deverá conter filtros de pré tratamento (multimídia, leito misto, carvão ativado, abrandador). Esses filtros iniciais vão realizar a desmineralização da água e reter agentes oxidantes; 
  • Se você já tiver um sistema de pré tratamento, verifique o nível de saturação das membranas do sistema de osmose reversa e as resinas dos sistemas de desionização;
  • Realize periodicamente a higienização no sistema: o processo de higienização consiste na remoção de biofilmes nas membranas, resinas e nas paredes dos purificadores com agente sanitizante adequado. Além disso, é importante que a tecnologia utilizada no processo semestral de higienização dos reservatórios da água de alimentação também remova  os biofilmes;
  • Realizar análises físico-químicas e microbiológicas da água purificada trimestralmente. O monitoramento da água purificada é essencial para garantir a eficiência das tecnologias de purificação, impedindo o uso de uma água em não conformidade.
  • Faça o monitoramento da qualidade da água de abastecimento. Realizar análises físico-químicas e microbiológicas da água de abastecimento da osmose reversa ajuda a  identificar potenciais incrustantes e contaminantes microbiológicos. Além disso, os dados das análises físico-químicas podem ser usados ​​pelos projetistas de equipamentos para determinar a matriz de membrana ótima que irá minimizar a tendência de formação de depósitos.

A MICROAMBIENTAL POSSUI UM CONJUNTO DE SERVIÇOS PARA MONITORAR A QUALIDADE DA ÁGUA: 

A Microambiental é uma empresa com mais de 20 anos de experiência em controle microbiológico em água. Dispomos de soluções completas para monitorar a qualidade da água de produção e o desenvolvimento de biofilmes.  Além disso, contamos com uma equipe de atendimento técnico que presta assessoria aos clientes na resolução de não conformidades nas análises.





POSTS RELACIONADOS

Precisa de ajuda? Converse Conosco